FRETE GRÁTIS! Clique aqui e confira nossa tabela por Estados.

Cuidados com bijuterias


Vou te dar dicas valiosas para que suas bijuterias tenham maior durabilidade. Quem adora usar colares, brincos, pulseiras e anéis não quer que sua peça preferida tenha vida curta, não é mesmo?

Primeiro, é preciso entender como é feita uma bijuteria.

Usarei como base as bijuterias que criamos e montamos na Dona Nina Design Moda. Em resumo, após o processo criativo do modelo da bijuteria, as peças são soldadas com solda fria – solda de estanho – e, em seguida, são levadas para o processo de banho químico.

Existe o banho dourado, o banho de ouro velho, ouro vintage, Bianco, prata, entre outros. Após o banho específico que “colore” a peça, elas passam por uma camada de verniz, ou seja, uma camada protetora que dá maior durabilidade às peças, mas se engana quem acredita que esse verniz proteja a bijuteria por anos e anos.

Quando as peças saem do banho químico, elas retornam para nosso ateliê para que sejam cravadas as pedras e, assim, a bijuteria está pronta para ser etiquetada. Claro que, existem outros pequenos processos no meio, mas esse é um resumo bem simples para que você entenda a base.

Então, entenda que, bijuteria é bijuteria, não é uma semijoia ou uma joia. E na bijuteria, além do banho químico, pode ter pedras espelhadas ou opalinas, crochê, colas especiais, tintas especiais, ou seja, elementos que podem ser prejudicados com o tempo e com o mau uso.

Para suas bijuterias terem maior tempo de vida útil, existem alguns cuidados:

- Não molhar as peças – isso inclui não lavar louça com as peças, no caso, anéis e pulseiras, não tomar banho de piscina nem de mangueira, muito menos banho diário, evitar pegar chuva. A maioria das bijuterias Dona Nina são de “caixas” onde são cravadas as pedras. A água entra facilmente nessas “caixas” e, com o tempo, enferrujam o metal e podem danificar a pedra, se for espelhada, por exemplo. A água da piscina tem cloro e ele acaba com o banho das peças.

A dica é: no caso da louça, peça para o crush lavar. Enquanto ele lava a louça, suas bijuterias continuam lindas, suas unhas também e você ainda tem tempo livre para conversar com a amiga no WhatsApp. Se não tiver nenhum crush, peça para o filho ou filha. E se não tiver nenhum filho, pode apelar para sua mãe ou seu pai (é maldade, mas tudo bem). Se você morar sozinha, então, lembre-se de tirar as bijuterias para lavar a louça ou tem a opção de jantar fora todos os dias. Que maravilhoso que seria isso, hein!?  :)

- Praia, nem pensar – uma coisa é você ir para a praia com suas bijuterias. Outra coisa é você permanecer na praia com as bijuterias. Pior ainda é quando você mergulha com suas bijuterias. Ai! Chega a doer! Você pode ir toda linda e estilosa para a praia com suas bijuterias coloridas, mas ao chegar na areia, guarde-as. A areia, além de arranhar, ajuda no processo de estrago do banho. E esse processo não é demorado. É claro que, a peça não vai perder o banho de imediato com o contato com a areia, mas a areia fica na peça e você, ao chegar em casa, não lembrará de limpar as bijuterias. É aí que o estrago começa a acontecer. Água do mar é inimigo número 1 das bijuterias. Pensa só no sal que fica no seu corpo quando você sai da água. Imagine esse sal nas peças. Não há banho que resista. Ah! O bronzeador também prejudica o banho das bijuterias.

A dica é:  com relação a praia é a seguinte: quer ir à praia com as bijus? Vá, mas guarde-as quando chegar na areia. Quando sair da praia, tome aquela ducha que costuma ter nos calçadões e depois sim, use-as novamente. A intenção é tirar o sal do corpo. E enquanto estiver curtindo a praia, beba bastante água, nada de exagerar com o camarão frito no palito e peça sempre aquele chorinho quando for comprar o Matte Leão com limão.

- Evite contato por muito tempo com perfumes e cremes corporais – eu sei que isso é difícil, mas as correntes dos colares sofrem com o excesso de química em contato direto, principalmente perfumes. A mulher, naturalmente, já adora usar cremes para a pele. O creme corporal é algo pastoso e úmido e quando entra em contato direto com a bijuteria, a umidade prejudica o banho. Também não acontecerá de imediato o processo de estrago do banho, mas é a mesma situação da areia da praia, dificilmente você lembrará de limpar as bijuterias após tirá-las.

A dica é: primeiro passe o creme no seu corpo e aplique o perfume. Espere uns 10 minutos e depois coloque suas bijuterias. O uso do perfume é mais frequente quando nos produzimos para sair toda estilosa, então pense primeiro no perfume e cremes (como se fosse fácil criar uma sequência lógica no momento que estamos nos arrumando). Enfim....risos...!!

- Evite exposição ao sol – o Sol é danado para alterar as cores e isso não acontece somente com bijuterias. Algumas pedras, e até o banho, desbotam com exposição prolongada ao Sol.

A dica é simples: não precisa virar vampira e sair somente a noite, apenas cuidado com o excesso de exposição. E vou te falar, para desbotar o banho ou a pedra, a exposição tem que ser muuuito prolongada. Então, esse é mais tranquilo de controlar.

- Guarde as peças separadas – As correntes e os fechos agradecem. Sei que para guardar tudo separado é preciso ter espaço e nem sempre existe. A ideia de separar as peças tem dois objetivos simples: facilidade na hora de escolher a bijuteria certa para completar o look e evitar que as correntes arrebentem quando você tentar desembolar.

A dica é: tente separar uma gaveta somente para bijuterias. Existem uns divisores de gavetas bem interessantes e sempre coloque as peças, separadas, dentro de saquinhos para evitar arranhões nas pedras.

- Guarde as peças secas e use giz – Lembra da umidade, dos produtos químicos, perfumes? Então, podem ficar resíduos no metal e nas pedras das bijuterias. Antes de guardar as peças separadamente, lembre-se de passar uma flanela seca nas bijuterias para tirar algum excesso nelas.

A dica é: além da flanela seca, coloque sempre um pedaço de giz na gaveta. Ou giz ou aquele saquinho pequeno de sílica gel. Os dois absorvem a umidade do local mantendo as bijuterias bem protegidas. Evite também de colocar sabonetes nas gavetas com as bijuterias, eles causam umidade e dizem por aí que sabonetes atraem traças. Essa eu também não sabia.

- Não durma com as suas bijuterias – Primeiro, porque incomoda. Segundo, pode te machucar. Terceiro, pode arrebentar.

A dica é simples: não durma.... risos...!! Brincadeira, claro!! Bom, nem precisa de dica.

 

É isso. Dicas simples para aumentar a durabilidade das suas bijuterias. Ah, sim! A última dica: use bijuterias todos os dias e mostre o quanto estilosa você é.

;)

 

Agora que você sabe como aumentar o tempo de vida útil das bijuterias, que tal dar uma olhadinha nos lançamentos Dona Nina - Não é Big Brother, mas pode dar uma espiadinha clicando aqui.  ;)

Carregando Ambiente Seguro